O apelo de Sofia!


Sofia escrevendo! Foto: Jill Stott

Digitalização do Livro de Condolências...

8 comentários

Filed under Blogosfera, Cidadania, Loulé, Opinião, ssebastiao

8 responses to “O apelo de Sofia!

  1. Até as crianças sabem o valor das árvores menos o Executivo da Câmara Municipal de Loulé …!

    Infelizmente penso que não será o ultimo abate arbóreo no concelho de Loulé, ainda falta a Avenida 25 de Abril …!

    Um abraço da M&M & Cª!

  2. Johan

    Muitas Sofias por este Loulé fora não souberam da iniciativa mas é sempre tempo de as alertar.

  3. Silvina

    Aos jovens a quem a nossa Câmara às vezes distribui panfletos pelas árvores deve-lhes fazer confusão este lado negro da história. Então dizem-nos uma coisa e fazem outra ? Brrr.

  4. Gonçalos

    Afinal como está o Parque? Passa a Jardim? Ou continua naquele estado de guerra?

  5. Quarteirão

    Em Quarteira nestes últimos anos foram cortadas montanhas de árvores. Pouco ruído se fez à volta de tão estranho acto. O que se passou não sei. Mas que a cidade ficou mais feia ficou. Mais automóveis e cimento. Menos verde. Verdes ficámos todos nós desde então. De Raiva!
    Quarteirão Verde

  6. Durvalinho

    Qual é a sua árvore ?

    Descubra o significado da árvore que representa o dia do seu nascimento. Esse teste faz parte da Astrologia Celta, e nela você pode ver a sua personalidade. Veja a lista, retirada do site Magia Zen:

    23 de Dezembro até 01 de Janeiro – Árvore de Maçã
    02 de Janeiro até 11 de Janeiro – Árvore de Abeto
    12 de Janeiro até 24 de Janeiro – Árvore de Olmo
    25 de Janeiro até 03 de Fevereiro – Cipreste
    04 de Fevereiro até 08 de Fevereiro – Álamo
    09 de Fevereiro até 18 de Fevereiro – Cedro
    19 de Fevereiro até 28 de Fevereiro – Pinheiro
    01 de Março até 10 de Março – Salgueiro Chorão
    11 de Março até 20 de Março – Árvore de Limas
    21 de Março – Carvalho
    22 de Março até 31 de Março – Árvore de Avelã
    01 de Abril até 10 de Abril – Árvore Rowan
    11 de Abril até 20 de Abril – Árvore de Arce
    21 de Abril até 30 de Abril – Nogueira
    01 de Maio até 14 de Maio – Álamo
    15 de Maio até 24 de Maio – Árvore de Castanhas
    25 de Maio até 03 de Junho – Árvore de Cinzas
    04 de Junho até 13 de Junho – Árvore Hornbeam
    14 de Junho até 23 de Junho – Figueira
    24 de Junho – Árvore de Abedul
    25 de Junho até 04 de Julho – Árvore de Maçã
    05 de Julho até 14 de Julho – Árvore de Abeto
    15 de Julho até 25 de Julho – Árvore de Olmo
    26 de Julho até 04 de Agosto – Cipreste
    05 de Agosto até 13 de Agosto – Alamo
    14 de Agosto até 23 de Agosto – Cedro
    24 de Agosto até 02 de Setembro – Pinheiro
    03 de Setembro até 12 de Setembro – Salgueiro Chorão
    13 de Setembro até 22 de Setembro – Árvore de Limas
    23 de Setembro – Oliveira
    24 de Set até 03 de Outubro – Árvore de Avelã
    04 de Outubro até 13 de Outubro – Árvore de Rowan
    14 de Outubro até 23 de Outubro – Árvore de Arce
    24 de Outubro até 11 de Novembro – Nogueira
    12 de Novembro até 21 de Novembro – Árvore de Castanhas
    22 de Novembro até 01 de Dezembro – Árvore de Cinzas
    02 de Dezembro até 11 de Dezembro – Árvore Hornbeam
    12 de Dezembro até 21 de Dezembro – Figueira
    22 de Dezembro – Árvore de Faia

  7. Muitas questões aqui ficam. Referindo aquilo que o Miguel Brito diz faltar, a Av. 25 de Abril, que há dias nos preocupou, tem pelo menos 3 Mélias condenadas, as de maior porte, às quais é diagnosticada demasiada água no tronco, embora não se saiba quem é o autor do diagnóstico que nem foi tornado público!!?? Sabemos que o seu abate esteve previsto para os passados dias 1 e 2 de Abril e não se efectivou… talvez em reacção aos protestos de 27 de Março junto do Sr. Presidente da República!
    Mesmo um poder arrogante tem momentos em que sente dever abrandar a sua fúria, se encontrar uma Opinião Pública atenta e opinativa!

  8. Star

    Plante uma árvore para um ente perdido. Apesar de hoje em dia esta prática estar muito em voga em diversos países europeus, em Portugal, devido a questões culturais, não tem sido aceite em pleno e muito menos praticada. A perda de um ente querido é sempre um momento doloroso para todos nós, mas que melhor forma de mantermos uma ligação com ele e de o mantermos vivo do que o plantar? Plantar sementes nas cinzas de um ente que faleceu é uma das formas que temos de manter uma ligação com ele, de o manter vivo e, provavelmente, este seu ente e a sua árvore viverão mais tempo do que você, os seus filhos e netos…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s