“sebastião” Anti-portagens!


PORTAJAR A VIA DO INFANTE É DAR MOBILIDADE AO ACIDENTE

Os cidadãos do Algarve e os utentes da Via do Infante apresentam o seu veemente protesto contra a introdução de portagens na Via do Infante, deliberada pelo actual governo do Partido Socialista.

Para além de uma grande injustiça social, as taxas de circulação, numa via construída com dinheiros dos cidadãos e da União Europeia, irão penalizar ainda mais a grave dificuldade das empresas, das famílias, dos trabalhadores e dos cidadãos que as utilizam, diminuindo também a visita de turistas que contribuem para a frágil economia do Algarve.

As portagens na Via do Infante irão empurrar os seus utentes para a EN 125, conhecida como ‘a estrada da morte’, contribuindo para uma circulação caótica e perigosa, que irá acrescentar mais mortes à morte. Mesmo depois de ‘requalificada’ a EN 125 nunca será uma alternativa à mobilidade na Via do Infante, também porque as suas vias de entrada das principais localidades do interior estão degradadas e em condições inaceitáveis de circulação.

No Dia da Memória 2010, os cidadãos do Algarve exigem uma tomada de posição clara dos dirigentes políticos regionais sobre o assunto, que se quer de defesa da economia, dos cidadãos e do desenvolvimento da região.

Por fim, apelamos a todos e a todas que se mobilizem para a Marcha da Indignação, a decorrer na próxima sexta, dia 26 de Novembro, em Faro, com concentração a partir das 17:30h, no sítio do Arneiro (junto da fábrica da Sumol).

Loulé e Algarve, 20 Novembro 2010 | Comissão de Utentes da Via do Infante

4 comentários

Filed under Algarve, Blogosfera, Cidadania, Loulé, Mãe Soberana

4 responses to ““sebastião” Anti-portagens!

  1. Palma

    Almeida: Estás mesmo com estilo de líder, com t shirt e bluson rouge. Acho que rejuvenesceste desde a Rotunda..rs\\ O nosso amigo Furtado faz uma referência no Louletania à BD. Se quiseres dar alguma opinião… já sabes. Bom domingo –

  2. Zeló

    Eu ca´por mim era anti pagamento de tudo. Mas sei que infelizmente as contas da casa estão mal. Será que estas e outras podiam passar sem se pagar quando todos sabemos que as estradas custam milhões? E quando elas começarem a envelhecer como algumas já começaram, quem paga os milhões que custam esses arranjos? Haverá massa para isso. Espero bem que sim. O que a gente queria no fundo era pagar o mínimo de tudo. Aliás há portugueses que acham que só deveríamos ter direito a receber e a não pagar nada como se o Estado fosse um grupo de pessoas e a gente nada tivesse a ver com isso. Mas protestemos segundo a nossa consicência. Foi para isso que se deitou abaixo o 24.
    Zeló

  3. Oh Palma; essa do “rejuvenizado” pode ser lida como esquerdizado…?
    Acontece, respondendo-te a ti e ao comentador anterior, que estou convicto que as Portagens na Via do Infante vão fazer mais mal do que bem ao Algarve.
    Não é no meu bolso que penso, considero as demoras, as irritações e os custos adicionais em tudo o que compramos e fazemos, considero a perda de competitividade do sector turístico em relação aos vizinhos, que irão ficar evidentes com as Portagens na Via do Infante!
    A conservação de Estradas em Portugal é aquilo que se vê, com ou sem concessionários… Talvez tenhas passado em Castro Verde, na IP2, e visto os painéis da concessionária – “Estradas das Planície” e olhado ao degradado estado da via… apesar dos sinais de aviso!! Pergunta: Depois das SCUT’s, vão portajar as Nacionais?
    Isto é injusto, foi a C. E. que pagou a Via do Infante e não foi construída como auto-estrada, apenas como via rápida, aliás a única que liga longitudinalmente o Algarve. Esta decisão dará pouco dinheiro e trará grandes prejuízos e muito desemprego!
    Tudo farei para demonstrar que os políticos estragaram tudo sendo necessário que os cidadãos lhes mostrem o erro!

  4. Palma

    Meu caro Almeida. Que sejas esquerdizado por toda a vida. Jamais faria um comentário depreciativo por estares «rejuvenizado» na foto. Penso até que nela estás bem mais novito do que ao vivo, pois nem sempre tens esse ar de jovem consciente pelo que está lutando. Ainda bem que continuas lutando por ideais! Quanto a mim penso que ainda estou esquerdizado graças a Deus, embora haja várias veredas que nos conduzem à esquerda. Obrigado pelo comentário da BD para esclarecimento do L. Furtado.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s