e agora, vamos representar!


A vida é um grande Palco; nela somos continuamente convocados a desempenhar papéis, nem sempre por nós escolhidos, mas, na constante mudança que a Vida deve ser, pessoa, ator e personagem, são o corpo que “encorpora” o acto.

No NERA, à vossa espera, está o “Amanhecer da Rotunda” que vos falará dos heróis improváveis, alguns ilústres também, mas sobretudo gente simples, que deu corpo ao feito de Implantar a República em Portugal.

O espectáculo começa às 21h30… mas chegue cedo para garantir lugar!

Para mais a entrada é gratuíta… deve esgotar, até logo!!!

7 comentários

Filed under Arte, Ensino, gente, História, Loulé, Teatro Amador

7 responses to “e agora, vamos representar!

  1. Palma

    Recordar a República no ano do seu centenário e através do teatro é na realidade uma das formas mais ricas para chegar junto do público em geral. Numa hora e meia fica-se a saber, sem grande esforço, o que aconteceu em 1910. Que viva a República!

  2. lina

    Até que enfim que vejo alguém diferente nas fotografias desta peça. Não sei como se chama mas pelo menos teve direito a foto. Lina

  3. Foi uma grande Noite, com uma Enchente. Muito agradável foi o aplauso do Público.
    O Teatro Amador em Loulé levou 500 pessoas a ver e ouvir falar de República!
    Assim vale a pena!!

  4. Palma

    Almeida já sei que a casa esteve boa. Afinal a publicidade deu frutos. O Teatro está vivo e a República também \\\\\ Soube há pouco do falecimento do pai do Joaquim. Sabes dizer-me quando é o funeral ?

  5. Meu caro Palma; foi um grande espectáculo sim, não apenas pela publicidade, mas porque há muito que os louletanos aguardavam por ver a peça em Loulé, onde devia ter sido estreada (não fora estar encerrado o Cine Teatro)!
    É dura a verdade, o Sr Joaquim da Franca Leal vai a sepultar na manhã deste domingo… Acompanhá-lo-ei em memória das longas conversas sobre a loulé antiga, em respeito pelo seu gosto pelo conhecimento e sentir pelo seu sofrimento recente!

  6. Palma

    Falhei. Tenho estado em casa e alguém me disse que o funeral teria sido ontem. Se tivesse sabido, esta manhã teria ido. Há algum tempo que não o via mas sabia que estava muito doente.

  7. Vítor Aleixo

    Gostei do que vi. Aplaudi e cantei o Hino.
    Fiquei surpreendido pela afluência.
    Parabéns a todos.
    Lamento a morte do sr. Leal.
    Um abraço aos filhos neste momento difícil.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s